wrapper

 

Ecopontos será implantado na região do Jardim Petrópolis

 

 

O vereador por Várzea Grande Ivan dos Santos (PRB), dando início da sua fala em uma da sessão ocorrida na quarta-feira, na Câmara Municipal, cumprimentou a todos em especial a quem os assiste, relembrando que a tempos no decorrer do trabalho como legislador, empenha pelo debate sobre meio ambiente pela busca contínua por alternativas visando soluções; cita que é de extrema importância abraçar essa causa não só pela natureza mais pela qualidade de vida da população.

 

Disse que nas reuniões nas comunidades do município nas muitas andanças pelos bairros, vê em muitos pontos da cidade, lixos jogados na rua em terrenos baldios, como plástico, papelões, sofá velho e outros resíduos. E, em alguns locais, dá impressão de ser um lixão sem nenhuma coleta seletiva.

 

“Eu estive numa reunião no bairro Jardim Petrópolis e fiquei contente, por saber que nessa localidade será implantado a ecoponto, nessa região. Onde em uma das indicações feita essa foi uma das que foram atendidas de pronto, pelo secretário Breno”, ressalta Ivan.

 

Há também uma imobiliária que ofereceu a doar o terreno para estabelecer a ecoponto, é uma região que cresceu muito, e muita das vezes até a população de Cuiabá joga lixo no município. Diz ainda que, tem de resolver esse tipo de situação, de preferência amigavelmente para solucionar esse problema; como é de costume pessoas descartar o lixo não respeitando o meio ambiente.

 

Na ordem da fala o vereador Cleyton Nassardem Guerra – Sardinha (PTB), pediu aos edis que fossem visitar a empresa Alocar que é responsável pela coleta de lixo na cidade de Várzea Grande, para que pudesse implantar também em certos pontos da cidade, a ecopontos. Para obter um ponto específico para realizar a coleta num local apropriado a comunidade em um lugar de fácil acesso para ser instalado. “Assim a prefeitura ira´ ganhar com a limpeza da cidade e dando ar de cidade moderna. Entretendo a maioria das grandes cidade do Brasil já utilizam a ecoponto. O senhor está de parabéns vereador Ivan”, finaliza Sardinha.

 

“Precisamos sim, nos organizar nesse sentido, por que na região do Mappim na entrada está muito feio, há muitos lixos jogados nos terrenos como em muitos locais no município, o secretário já concordou, e como o vereador Sardinha disse em relação a empresa que hoje está fazendo esse trabalho de coleta de lixo, vamos sim ir até o local. Frisa Ivan.

 

E outra proposta que se interessou, foi em que muitas regiões os moradores não costumam limpar seus lotes, compra a área e não conserva limpo, assim se transformando num tremendo matagal, não podendo o município limpar a área privada, a proposta do serviço público é criar uma placa de vende-se, para identificar o morador para saber onde o proprietário mora, sendo que o ninguém diz onde ele reside. Há muito desses espaço que estão só mato mesmo, então estou nessa luta, pela implantação desses ecopontos. Justifica Ivan.

 

Entenda mais sobre Ecopontos

 

Os ecopontos são contentores de grande dimensão que servem para fazer a recolha seletiva de lixo de várias naturezas. Os contentores têm cores diferentes consoantes o tipo de lixo: o ecopontos amarelo destina-se a embalagens de plástico, metal e embalagens de cartão para bebidas; o azul serve para depositar papel e cartão; o verde é para o vidro; o vermelho, de menor dimensão, designado por “pilhão”, serve exclusivamente para o descarte de pilhas.

 

Em Portugal são as Autarquias e Sistemas Municipais as entidades responsáveis pelos ecopontos e a Sociedade ponto Verde a entidade gestora responsável pelo envio para reciclagem recolhidas nos ecopontos.

 

Ecopontos são locais de entrega voluntária de pequenos volumes de entulho (até 1m²), grandes objetos (móveis, restos de poda de árvore etc.) e resíduos recicláveis. A população pode dispor o material gratuitamente em caçambas distintas para cada tipo de resíduo.

 

 

Luciana Laura

 

 

 

 

banner prefeitura 2018

selo 150

visite site 2